29.12.12


2 comentários:

carlo paolucci disse...

Master Mauricio,

Já contei essa história milhares de vezes: quando a canalha estadunidense invadiu Le Mans em 67, destratou a imprensa, cuspiu nos adversários, desprezou a mídia, CAGOU nos europeus de equipes independentes (francos, ítalos, belgas, suecos, gálios, etc) c suas GT(ingonças)40. A reação, do padock ao pódio foi inevitável: chuva de ovos, eu inclusive. As 330 P3/4 estarão eternamente em nossas memórias. Elas merecem seu portrait. A propósito, no meio de ferraris, alfas, porches, "e os cambáu-a-quatro" havia uma pequena Puma malzoni "Made in Brazil" q deixou a rapeize desbundada, carro levado p meu pai, ex-embaixador belga em terras brazucas. Danem-se todos esses "fazedores-de-carros", quem manda ñ bolar alguma coisa competente?
Saudações belgo-monarquistas
carlo paolucci

Mauricio Morais disse...

Que baita história Carlo, você podia contar várias pois tem um texto ótimo.
Forte abraço, boas festas e um 2013 bem feliz.