28.7.11

GRAFANDO COM LUZ

Grafar com luz nada mais é do que fotografar. Então, pra se ter uma bela foto
é preciso que haja um mínimo de luz de qualidade. 
É o que acontece com esta foto que peguei, com permissão, do Facebook
de meu amigo Alexandre Fornari. 


Sem falar que o derrière aqui fotografado é a bela traseira do Simca #35
pilotado magistralmente pelo lendário Breno Fornari nos anos 50 e 60.
E meio que querendo se esconder, está ao lado, o protótipo "Boca de bagre",
baseado no Regente.
Espero que gostem desse instantâneo.

5 comentários:

Rui Amaral Jr disse...

E aquela cinta no vidro traseiro é para manter as portas fechadas!!rsrsr
Ótimo!!!!
Gostaria de ter corrido nesta época.

Mauricio Morais disse...

nÃO BASTAVA SOLDAR AS PORTAS???

Anônimo disse...

Bela observação !
Na realidade, cinta era usa para segurar o vidro traseiro, no circuito da Pedra Redonda , palco das 12 horas, as curvas eram fechadas, era comum a carroceria do Simca se retorcer toda e cuspir o vidro taseiro. Se fosse o caso das portas, uma tranca tipo " tramela" resolvia o caso internamente. O problema maior era que o Breno não podia soldar as portas, pois o carro na segunda feira voltava a ser o carro da família. Nos levava para escola, feira livre e trabalho. Não se tinha dois carros para correr !
Vou passar uma foto do Simca na Pedra Redonda para o MAuricio, observem melhor as contas da época eram duplas, bem fixas para segurar o vidro. A de hohe só um ornamento para justificar a época !
VAleu
Fornari

Rui Amaral Jr disse...

O interessante Fornari é que os Simca tb tinham problemas em abrir as portas. Tenho grandes fotos de seu pai Breno, mais tarde procuro e envio ao Mauricio.

Abs

Mauricio Morais disse...

Valeu Alexandre, foi muito esclarecedor.

Amigo Rui, já abri o baú quando quiser pode enviar as tais fotos. muito obrigado.