24.11.10

PUMA #48 ANGI MUNHOZ

Eis o belo Puma Espartano numeral #48 que barbarizava nas pistas dos anos 70,
nas mãos do Angi Munhoz.
Preparado pela oficina MM do Milton Masteguim, o carro era um canhão.
Mas, deixo para os Pumólogos os detalhes técnicos e os louros que este carro
amelhou enquanto correu.

12 comentários:

Anônimo disse...

maravilhosa essa Puma , em miniatura ficaria espetacular...
Ricardo Tropia.

Mauricio Morais disse...

Ela é linda pelas adaptações como o capô maior, os faróis saindo de dentro da carroceria, tanto acima quando abaixo, a entrada de ar na porta, o radiador de óleo entre os para-choques.
Na tampa do motor também há uma grande abertura para resfriamento do motor e também tem o toque pessoal do José Martins, que comprou o carro do Angi, que é a persiana na vigia traseira, parecendo um Lamborghini Miura.

Enfim, é um carro com grande potencial de diversão automodelista.

Rui Amaral Jr disse...

Depois o Zé Martins comprou esse carro e venceu um monte de corridas de EN.

Rui

Mauricio Morais disse...

Rui, que são "corridas de EN"?

Ararê Ilustração disse...

EN = Estreantes e Novatos.

Mauricio Morais disse...

Valeu Ararê. Citando Odorico Paraguaçú: "a ignorância é que astravanca o propressiu!"

Rui Amaral Jr disse...

Só vi agora Ararê, o Mauricio já respondeu. Não foi "inginorança" sua, eu que devia ter escrito tudo.

Um abraço

Rui

Felipe Nicoliello disse...

Grande Maurício,
Não sei se você sabe, mas nós do Puma Clube estamos preparando uma réplica deste Puma Espartano, com a assesoria do José Martins e do Miguel Crispim.
Esse Puma #48 começou com um Puma 1969 nas mãos de Angi Munhoz. Depois foi substituído pelo Puma 1971 Espartano de capô grande - criação Crispim - e mais tarde vendido ao José Martins.
Acontece que o desenho que você fez foi do Puma de quando já era do José Martins, porque essa tomada de ar na porta e o espelho com suporte alto no para-lama foram criações do José, o Puma em que corria o Angi não tinha essas modificações. Posteriormente o José colocou as persianas no vigia traseiro, para evitar o sol nas costas dele.

Felipe Nicoliello disse...

Esqueçam a tomada de ar da porta, no caro do Angi tinha sim, falei besteira, coisa de velho, mas quem ajudou a fazê-la foi o José Martins, que antes de ser piloto da MM era auxiliar de preparador. A diferença é o espelho, que o Zé não enxergava nada, por isso levantou e colocou lá no para-lama.
Veja o Puma dele aqui http://www.pumaclassic.com.br/2010/11/puma-de-corrida-grande-jose-martins.html
abraços

Mauricio Morais disse...

Mestre Felipe, obrigado pela aula.
Tem data para mostrar a réplica ao grande público?
Você tem o e-mail do Zé Martins?

Sidney Cardoso disse...

Maurício
Esse Felipe realmente é um professor em tudo que se relacione com Puma, nunca vi assim.
Abraço.

twocatsmodelos disse...

O 48 de frente azul, escala 1:24, já tá na bancada aqui. Já desenhei os decais e só falta agora aquela águia da MM.