4.5.10

CAPAS



Hoje começo uma nova coluna intitulada "CAPAS".
Tenho lembranças maravilhosas de, quando criança, passar pela banca de revistas do Pedro para ver as capas das revistas de carros...e outras que não vem ao caso comentar aqui e agora.
Um certo dia, indo para a aula de Karatê, em fevereiro de 1974, me deparei com a mais louca capa que já tinha visto até então.
Uma única foto, quase nada de texto. Só o logo em branco, contrastando com o fundo quase preto da foto.
Uma Mclarem pilotado pelo Hulme, acho que se fosse o Emerson eu teria um piripaque, parecendo que ia pular para fora da capa direto nos meus braços.
Eu precisava daquela revista.
Eu tinha 11 anos e ainda não tinha nenhuma revista que fosse só minha.
As veja eram de meu pai, as Capricho de minha mãe e as Placar do meu irmão mais velho. As Ele & Ela eram algo meio que secreto que ficavam no fundo das gavetas secretas.

Se você tem guardada em algum lugar uma revista de carros ou de corridas de automóveis, escaneie a capa e mande para mim que terei prazer em publicar aqui nesta nova coluna. Pode ser revista internacional também. Se trouxerem marcas do tempo como arranhões, líquidos derramados, etc, não tem problema, faz parte da história.
E se vier acompanhada de um bom causo fica melhor ainda.

5 comentários:

Cesar Costa disse...

Ih! Rapaz! Tenho todas estas, que em termos gráficos eram perfeitas, mais Motor3, Autoesporte, Quatro Rodas etc etc etc. O diabo é que estão todas na casa do meu irmão em Araruama. Mas vou ver se trago as Grand-Prix...

Goodtimes disse...

Eita! Vai começar uma viagem pelo tempo...
Vou ver o que acho por aqui e te envio.

Mauricio Morais disse...

Ô Cezar, imagino como deve ser a casa de seu irmão com todas essas preciosidades. Uma Disneylândia!
Mostre algo aos neófitos. Tem gente aqui que nem imagina do que falamos. He, he.

Vamos lá Luciano, mexendo no seu baú.

Tohmé disse...

Lembro das capas das Grand Prix. Assim como os pôsteres centrais.

Kakazu Motorsports disse...

Nossa so posso dizer que fui da epoca da Revista GRID, ficava dividido entre as revista de Video Game como a Ação Games e a Super Game Power.
Depois comecei a comprar a Revista RACING acho que entre 2002 e 2003, depois com a internet parei de comprar revistas.
Mas foram bons os tempo da Banca de Jornal, tinha um bem perto de casa, passava para olhar as revistas e ficava o dia inteiro folheando as revistas, sorte que o cara da banca é meu amigo ate hoje.....