18.10.08

OLD MACHINE

O blogueiro Marcelo Silva me mandou um bocado de fotos de antigos Formula 1.
Esta é a Tyrell Ford 004 1971 de Jackie Stewart. Belíssimo carro.

15 comentários:

Luís Augusto disse...

Além de bonito, tem pedrigree de campeão.

tohme disse...

eita época boa

Mauricio Morais disse...

A idéia dessa foto postada aqui é justamente para dar uma nostalgiazinha, he, he.

Felipão disse...

Clássicão...

Joel Marcos Cesetti disse...

É isso mesmo nostalgia e clássicão, o post me lembrou da dupla Stewart e Cevert (este mês faz 35 anos de sua morte).

Mauricío, ficou bem na foto heim!

Mauricio Morais disse...

Rapaz 35 anos, eu me lembro de uma corrida em que o Tyrrel, se não me engano o 3 decolou da pista, era um circuito de rua, não me lembro qual. TV preto e branco ainda...cara tô ficando velho!

Joel Marcos Cesetti disse...

É o tempo passou rápido,para quem não conheceu o Cevert vou postar algo sobre ele,conheci o piloto pessoalmente em 1973 em Interlagos(ano de sua morte ).

ABS.

Ron Groo disse...

Um dos mais belos projetos da F1.
Os carros de Ken Tyrrel eram sempre muito classudos.

Anônimo disse...

Tem um detalhe interessante sobre os primeiros Tyrrell ,o 001,002,003e 004 na verdade são o mesmo projeto ,o fato é que Ken Tyrrell dava um novo numero a cada carro fabricado ,nunca consegui entender isso.

Mesmo assim o 001 era o mais diferente pois o terceiro ponto do santo antonio era fixado no motor e a pedido de Stewart a partir do 002 o terceiro ponto também passou a ser fixado no chsssi .

O 002 quase sempre foi utilizado por Cevert ,ele era alguns sentimetros mais comprido no chassi por causa da estatura do frances .

Desta serie o 004 ficou mais famoso porque foi o chassi mais utilizado por Stewart e logicamente foi o Tyrrell mais bem sucedido de todos.

Jonny'O

Anônimo disse...

Correção :

O chassi mais utilizado por Stewart foi o 003,que na verdade é identico ao 004.

Só a partir do 006 é que a numeração dos Tyrrell significava o modelo do projeto ,foram feitos três 006.

Jonny'O

Mauricio Morais disse...

Jonny'O, acho que o velho Ken estava usando um artifício muito em voga hoje em dia, fazer parecer uma coisa que na verdade não é. É aquela filosofia, mais importante que ser alguma coisa é parecer que é.

oliver disse...

O 001 era diferente.

Usava o radiador na frente, no bico.

Mas de significativa, acho que a mudança para o 002, 003 e 004 foi a alteração na posição do radiador, bico dianteiro e a tomada de ar.

Grande Ken Tyrrel.

Foram pessoas como ele, o Chapman, o McLaren (depois o Ron Dennis), o Surtees, o Comendatore, entre outros, que nos fizeram gostar da F1.

Apesar as bolinhas de chumbo no radiador, deixou saudade.

Anônimo disse...

Oliver ,todos os Tyrrell 001,002,003 e 004 são o mesmo projeto e todos eles usavam radiador no bico.

O que vc deve estar fazendo confusão é com a carenagem do bico.

Os primeiros ,001 , 002 e 003usavam uma lamina de aerofolio ,esta frente limpa trilhos da foto só foi adotada no meio da temporada de 71 em todos eles ,e o radiador continuava na frente .

A tomada de ar só foi adotada depois da segunda ou terceira corrida também de 1971, portanto nem o bico ou a tomada de ar não estão relacionadas com a diferença da nomeclatura dos carros.

Só a partir mesmo do 006 é que se passou a usar o padrão que todos sempre usaram .
Ex :Foram fabricados 3 modelos 006 eram eles 006/1,006/2 e 006/3.

Abs,

Jonny'O

oliver disse...

VALEU, jonny

Julio Cesar disse...

olá mauricio, tive o prazer e a sorte de encontrar esse maravilhoso blog e as belas artes que fazes. ja dei um passeio por ali, acola, sobre a questão da arte no Brasil e tal. Algo que também sofri na pele. Desenhista por essencia, minha vida seguiu ene caminhos, e em várias estancias do desenho, como arquitetura, publicitário, desenho animado e tal. No entanto, amo o desenho artístico, a pintura e vez ou outra faço uma 'obra'.
salvei algumas imagens aqui, que de alguma forma, se me permitir estarei a ilustrar o meu blog, sejam em postagens ou em sidebar, semmpre é claro dando os DEVIDOS CRÉDITOS. (posso?)
outro sim, com respeito ao Tyrrell, eu que sou um apaixonaaaaaaado por f1 e principalmente a saga de 70 e seu preludio. O tyrrell 001/002 foi meu ultimo trabalho (que pode ser conferido em:http://alfaminiatures.blogspot.com/

(ha um link fotografico na sidebar para a postagem)

Salvei algumas imagens que disponibilizou para pintura, apos o 'Van gogh' aqui colorir, te aviso!rs...

já sobre o Tyrrell e o comentario do Jonny, é o seguinte.
O primeiro tyrrell, o 001 (claro) foi projetado para o Jackie (em 1970, pneus sulcados). Era mais curto que o 002 que só surgiu com a 'chegada' de Cevert. Ainda assim, do 001 para o 002 havia algumas diferenças dimensinais no monocoque quanto a sua largura e fixação dos braços tensores de suspensão superiores bem como inferiores, principalmente devido ao novo santo antonio que passou a ser como uma 'grande argola' de ancoragem (motor, suspensão). Alguns pontos de fixação de 'acessorios' traseiros foram ligeiramente modificados, sendo o monocoque o ponto maior. Assim, na corrida de abertura para a africa do sul, alinharam o 'antigo' 001 com jackie e o 002 com cevert (ja nas dimensões modificadas, ou então não entrava no carro). Para a corrida seguinte, o 001 virou o 'mulet'(carro reserva) e Stewart 'ganhou' a 'versão extendida' do 001, mas que na verdade é um outro carro mesmo, visto que alteram-se distribuição de peso, entre-eixos e tal. Daí até o final de 72 não houveram grandes modificações. Stewart fez a temporada de 71 com um unico chassi (um recorde, ate então e que perdurou por muito tempo. Não sei dizer por quanto e se alguem mais atingiu esse recorde. E foi campeão). Isso mostra a qualidade tecnica do piloto, em uma era em que o equipamento era fragilizado, ele conduziu-o por toda uma temporada. O bico 'limpa trilhos' igual ao da foto entraria no carro de stewart a partir do gp da frança, em que cevert venceu com o bico tipo 'skate'. Ainda na frança, tyrrell testou freios duplos na dianteira durante os treinos, que acabou não sendo utilizado na prova. A tomada de ar também entrou no conjunto a partir do gp de monaco. Com esse modelo, Peter Revson faria a prova do canada ao final do ano, estreando na F1. O numero 001, 002, 003, refere-se ao numero do chassi, assim, a partir do 003 passou a designar modelo. Então, o 001 foi o carro 1(so um produzido), o 002 idem, o 003 (copia do 002).
abraço
Julio cesar